quarta-feira, 4 de julho de 2012

RAÇA DE VÍBORAS! Quem?

O que falta na vida de muitos líderes nos ministérios das igrejas? 


Aproveito para perguntar: E no governo do Brasil?

Será que falta eliminar o jeitinho de agradar... agradar... e sempre... querer... agradar a todos, ou falta a necessidade de agradar em primeiro lugar a Deus?

Está em falta os homens com o mesmo ímpeto de João Batista, e validado com a certeza em alertar, de fato, conforme está escrito em Mateus 03:07:

“E, vendo ele muitos dos fariseus e dos saduceus, que vinham ao seu batismo, dizia-lhes: Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira futura?”

Qual é o estilo do “comportamento” correto no púlpito diante “das gentes”? Estão acomodados e sem movimentar-se no assento da igreja? Não sentem que estão caminhando sem direção? Estão sentindo o conforto de uma palavra filosófica, recheada de conhecimentos psicoterapeuticos com superficialidade e engananos ao povo com a tipologia da prosperidade?

Está faltando homens com o mesmo ímpeto de João Batista, e com a certeza de alertar, conforme está escrito em Mateus 12:34:

"Raça de víboras, como podeis vós “dizer boas coisas, sendo maus”? Pois do que há em “abundância no coração, disso fala a boca.”

A grande quantidade de enganadores, também, dentro da blogosfera, deve ter um encontro real em encontrar de verdade quem luta pela VERDADE.

É necessário encontrar os que desejam, retirar o seu paletó e sem vergonha “das gentes”, devem submeter-se a “comer gafanhotos e mel silvestre” e ir de encontro aos filhos do mal que atuam, desgraçadamente para a satisfação de muitos que correm, sorrindo para a porta larga e se desviam da Porta Estreita.

Estar atento é uma necessidade de quem deseja agradar a Deus. É tempo de parar e escolher a quem servir.

Impossível não observar, os comentários maldosos dos filhos do anônimo, filhos da máscara, filhos da fantasia, filhos do mal, filhos da mentira, filhos da maldade, e continuar aplaudindo a estes que se dispõem a envergonhar o evangelho com a sua frivolidade.

Está faltando homens com o mesmo ímpeto de João Batista, e com a certeza em alertar na medida do que está escrito em Mateus 23:33:

"Serpentes, raça de víboras! como escapareis da condenação do inferno?"

Importante comer mais gafanhotos e mel silvestre do que aceitar o que passa na blogosfera de boca fechada.

É tempo de estarmos inconformados com os que se conformam, entender e atender, o que significa a ordem em: Romanos 12:02:

"E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus."

Cuidado. Examinai os blogs. Os blogs devem ser examinados!

Existem alguns que são para a vergonha da igreja. E alegria dos filhos do mal!

Pensei em parar de escrever na blogosfera! Acreditei não ser tão útil, atuar na internet com os meus textos! Afinal, encontramos tanta mesquinharia e FILHOS DO MAL FANTASIADOS DE A.N.Ô.N.I.M.O.S. que amarguram a vida dos que desejam encontrar saúde espiritual.

Pensei mais uma vez e cheguei a conclusão que seria pura COVARDIA, calar a minha boca e deixar, sanguessugas espirituais, estarem à vontade, sem um GRITO DE ALERTA. Não! Continuo e doa a quem doer!

Quem desejar se acovardar que se acovarde. Eu estarei comendo gafanhotos e mel silvestre de BOCA BEM ABERTA como um simples atalaia e um CINTO DE COURO nos meus lombos.

A escolha pertence a cada um! Não há mais tempo! Eu já escolhi. Eu vou ATALAIAR!

Vigiar e orar!

O menor de todos os menores. Um Tradicional Pentecostal.

8 comentários:

Alberto Couto Filho disse...

Menorzão,
Paz...precisamos dela.

Vir por aqui, neste seu blog, é como frequentar um restaurante requintado, de primeiríssima categoria, sem exageros, classificado com muito mais de cinco estrelas.
Você é um excelente “sommelier” – Grato por dividir conosco o seu melhor vinho.
Convidou-me?
Cá estou.
Garçon, “s’il vous plait”:
Sirva-me uma porção generosa de gafanhotos com mel silvestre. O que sobrar, vou levar “p’ra viagem” à minha torre de vigia.
Não pare! Tão somente, esforça-te!
Alberto

MARIO CESAR DE ABREU disse...

PAZ AMADO PR NEWTON CARPINTERO!

ÓTIMA SUA MATÉRIA;EU TAMBÉM ESCOLHI NÃO ME CALAR DOA A QUEM DOER.

AO NOSSO DEUS ,AO SENHOR DOS EXÉRCITOS TODA GLÓRIA PARA SEMPRE!!!

EM CRISTO,

MÁRIO CÉSAR DE ABREU

Anderson Cruz disse...

Pastor Newton, paz do senhor!

Ótimo texto, e esses textos não podem parar é preciso de ter "Joaõs Batistas"(João Batista)na blogosfera como em todo lugar, queria compartilhar o que já aconteceu comigo.
Logo quando me interessei por teologia com o intuito de manejar bem a Palavra de Deus, haja vista ainda ser um jovem, encontrei vários sites alguns bons outros ruins, o que resultou numa confusão, pois entrei em blogs e sites que contestaram naquilo que eu acreditava, "fuçando" melhor encontrei outros blogs que defendiam aquilo que acredito e através deste fui procurando outros até chegar neste blog que muito tem me edificado, por isso digo mesmo que os blogueiros pensem que não é útil essa ferramenta, eles não tem noção de como isso pode ajudar jovens como eu e outras pessoas.Pela graça de Deus hoje tenho convicção daquilo que creio.

Deus te abençoe de uma forma especial
Em Cristo, Anderson Cruz
Palavra e Fé - anderscrz.blogspot.com.br

Thiago Boudny disse...

A paz do Senhor pastor Newton!
As vezes as aflições e contratempos são tantos que pensamos em desistir, mas sabiamente o senhor se anima e não desistir.
Te vejo como Noé, mesmo sabendo que o dilúvio viria não deixou de pregar até o ultimo dia oportuno, assim ficou conhecido como ministro e pregoeiro da justiça.
Assim seja conhecido teu nome e de muitos outros, como pregadores da justiça e da verdade, que protestam contra o pecado e contra a imoralidade desta geração perversa, isto tudo será para glória do nome de Jesus. Já dizia o salmista do salmo 119, " a minha língua falará a tua palavra porque todos os teu mandamento são justiça".
Que Deus o abençoe! Um abraço... Excelente texto.

Newton Carpintero, pr. e servo. disse...

Amados,

Sem palavras!

Apenas o desejo de vê-los cada vez mais dedicados ao mais importante da nossa vida: Jesus Cristo, o nosso Senhor.

Viver nesta vida, somados ao corpo da verdadeira igreja, vocês, é o que nos faz caminhar na responsabilidade de entender que nada somos e seremos, úteis uns aos outros com a perseverança pela fé depositada no Salvador.

O Senhor vos abençõe grandemente. Preciso de cada um de vocês para manter o equilíbrio nesta caminhada.

O menor de sempre.

António Jesus Batalha disse...

Há algum tempo que não visitava o seu blog, hoje encontrei-o e demorei algum tempo a ver o que escreveu, fiquei maravilhado pois pode ver como está se preocupando com o próximo. Continue a proclamar o bom nome de Jesus e a edificar exortar e consolar os corações daqueles que precisam de Jesus. Sou feliz porque sei que nos iremos encontrar um dia, e receber o galardão dos nossos feitos.

Samuel Borges disse...

Pr. Newton,

É um enorme prazer conhecer o seu fino e primoroso trabalho de blogueiro. Tenha por certo um fato: Não é em vão. Como fazem os João Batistas para hoje! É mais um menos na mesma linha: O Deus de Elias não mudou. Mas, onde estão os Elias de Deus?

Um abraço em Cristo!

Samuel Borges disse...

Pr. Newton,

É um enorme prazer conhecer o seu fino e primoroso trabalho de blogueiro. Tenha por certo um fato: Não é em vão. Como fazem os João Batistas para hoje! É mais um menos na mesma linha: O Deus de Elias não mudou. Mas, onde estão os Elias de Deus?

Um abraço em Cristo!