sábado, 7 de junho de 2014

Muitas das vezes uma LONGA PREGAÇÃO fala pouco do que devemos VERDADEIRAMENTE ouvir. Vigiai igreja!

Pense antes de falar e fale depois de pensar e analisar.
A maldade está solta dentro de muitas palavras.
Sobra espaço para poucas palavras.
Abaixo em poucas palavras encontramos o cuidado e o alerta.
Photo

Um comentário:

by Ray disse...

Caro,

Newton,

Com ampla razão.

Na minha juventude cristã, participando de inúmeros congressos e retiros espirituais para jovens nos deparavamos com pregações infindáveis de 2h a 2he30min e algumas ultrapassavam as 3h, (motivo de orgulho de muitos pastores ) e alguns diziam que nem sentiam que o tempo havia passado.
Não tinha nada a dizer sobre isso, porém hoje, através da Palavra posso dar um Alerta.

Na Epístola de Tiago diz em 1.26

"SE alguém supõe ser religioso deixando de REFREAR a Língua...
engana a si mesmo e sua religião é VÂ."

Dias atrás Silas Malafaia disse em uma Estudo de Sábado (dia do seu programa )

: - Eu NÃO tenho PAPA na Língua.
( numa declaração de si mesmo em que colocava isso como uma qualidade pessoal )

O que ele estava dizendo ?

R : Que NÃO tem FREIO na Língua.

LÍNGUA = TENDÃO de Aquiles de muitos Pregadores.

( Sacerdotes Evangélicos e Católicos )


Nada mais a Declarar.