quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Você viaja em um Bonde Antigo?

Existe no momento uma continuidade dentro da igreja em todos os aspectos.

O conformismo tomou conta, como se fosse algo comum, o momento de uma decisão real por Cristo!

Necessitamos rever nossos modelos ultrapassados, e valorizar o que nos foi entregue com responsabilidade.

Nos acostumamos com a fórmula constante em nossas atividades ministeriais, e não paramos para uma análise, mais profunda, sobre o que estamos oferecendo aos pecadores.

Os ouvintes da Palavra de Deus, sentem que algo falta em suas vidas e por incrível que pareça, entendem que falta muito mais a ser dito e transmitido.

Mesmo em sua cegueira espiritual, e na necessidade interna de seu ser, sentem que os problemas não os afligem, tanto quanto o que eles desejam: Paz no espírito.

Na verdade não desejam as promessas com soluções mirabolantes para todos os problemas, como é comum e fato constante em nossas vidas. Estes enganos são distruibuídos nas diversas igrejas apóstatas, confusas e sem a direção do Espírito Santo de Deus.

Medite e sinta a nossa responsabilidade!

Devemos parar de questionar aos ouvintes com:  "quantos querem ACEITAR a Jesus Cristo?".

A pergunta deve ser bem direta: Quantos desejam RECONHECER o Senhor Jesus Cristo, como único e suficiente Salvador? Há uma diferença de valores nesta afirmação.

Após explicar que o reconhecimento, significa renunciar ao estilo mundano de vida e carregar a sua própria cruz.

Precisamos parar de pregar um evangelho açucarado, cheio de soluções imediatistas, e nutrido com falsos sonhos para chamar a atenção.

Basta de hipocrisia e heresias!

O Senhor nos ajude!

O menor de todos os menores. Um Tradicional Pentecostal!

2 comentários:

Pastor Edinaldo Domingos disse...

Amado Companheiro Carpinteiro, a Paz do Senhor.

Na verdade, ps desafios que estão adiante de nós, causados pelos "evangelhos" que os pregadores dioturnamente entregam ao povo; verdadeiramente precisamos rever muita coisa.

Concordo que até mesmo a tão conhecida frase "aceitar a Jesus" precise ser mudada para ser diferente no apresentar do verdadeiro evangelho que se vive através da renuncia.

Um forte abraço

Pastor Edinaldo Domingos

PASTOR NONATO disse...

Amado colega e irmão em Cristo: O menos de todos,

A doce Paz do Nosso Amado Senhor e Salvador Jesus Cristo,

De fato, esse comodismo estático e sofista que tem se alastrado no meio de muitos templos (humanos), grassa os pilares do Verdadieiro Evangelho, visto que a Palavra nos concita a ... Não NOS CONFORMARMOS COM ESTA DISPENSAÇÃO/SÉCULO. Reitera que devemos..., DESPERTAR.. SE DORMIMOS (grifo meu) LEVANTAR-NOS DE ENTRE OS MORTOS E SEREMOS POR CRISTO ESCLARECIDOS.

É exatamente o que vemos hoje... O mero repeteco jargonizado, raramente racional e bíblico.

Agora é: é só vitória; as lutas já cessaram;

Agora: eu determino que tu vais receber um casa na Barra; é o céu a terra; JUSTIÇA, SENHOR iii

Agora é: vai ser agorrrraaaaaa I

De fato, é abissal a significancia entre ACEITAR E RECONHECER. O primeiro (atualmente) é muito light e simplista, pois significa anuir sem refletir... Mole mole. Já o segundo inclue, reflexão, análise, ponderação e decisão.

Decisão de renunciar tudo pelo céus. E aí, eles não mais ofertam esse Evangelho; O da renuncia e da negação e da entrega.

Assim, até o diabo crê que treme.

Meditemos em Isaís 58.1

Maranata, Ora vem Senhor Jesus.. Tá brabo Pai.

Nonato Pr., Um perturbador de Israel.