terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Como poderei agradecer a Deus, com a frase mais correta?

Esta matéria foi escrita no dia 28 de fevereiro de 2009. É a mais lida até agora! louvado seja Deus pelos muitos que a leram, principalmente, porque desejaram encontrar a frase mais correta.

A frase mais correta, não existe através do nosso conhecimento limitado. O que deseja agradecer ao Senhor de verdade, sente agonia... agonia... agonia... e não consegue sentir-se totalmente realizado com o MUITO OBRIGADO. Ele, merece muito mais!

Não há capacidade, e muito menos, a certeza, de se encontrar a frase mais correta, ou a expressão - melhor definida, sobre o amor de Deus.

O servo de Deus por mais experimentado que seja, na sua vida espiritual, e em sua caminhada na pesquisa do conhecer a Deus, descobrirá o quão difícil será expressar palavras de gratidão, diante de tamanha grandeza.

Existem aqueles, que sentem-se como se fora, algo mais, não discernindo a Real Magestade de Deus, e saem por aí, como se fossem os conquistadores do céu e da terra.

Investem em suas falácias de vanglórias e comunhão além da lógica, e pretensa impureza em seus lábios, com mentiras sobre a sua intimidade com Deus. Inventam de tudo para todos, no simples desejo de serem consumidos pela sua vaidade.

Deus verifica nossos objetivos. Ele nos conhece por dentro e por fora. Ele sabe o motivo de nossos interesses em nosso agradecimento.

Expressar com simplicidade ou arrogância, poderá ou pode-se, conquistar corações humanos, e necessitados de reconhecimentos, mas, não o coração de Deus.

O coração de Deus, somente se conquista com simplicidade e dedicação, fidelidade, e dependência, e principalmente, a certeza que Ele cuida dos seus.

O servofilhoamigoherdeiro, possue um coração em constante reconhecimento, pela grandeza do seu cuidado, e nesta posição, sente o favor de Deus e sente-se constrangido por tamanha capacidade, em encontrar vitórias no meio do vale, promovidas por Ele, o Rei dos reis e Senhor dos senhores.

O seu cuidado é especial, para quem o ama, com a consciência estudada e avaliada, para poder dizer conforme o que está escrito em Mateus 22:37:

Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento.

Pratique! Pratique! Pratique! Para que você possa dizer:

Santo, Santo, Santo é o Senhor dos Exércitos!

Deus está atento, e deseja, poder conviver no nosso momento de agradecimento, e este momento é a meu ver, quando você entende a oração ensinada por Jesus Cristo aos seus discípulos, e que deve ser o principal motivo de nossas vidas nesta terra conforme Mateus 6:10:

Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu.

O melhor agradecimento é orar com ação, e definir em nossa vida o que realmente desejamos, para que o Reino de Deus esteja em nossa vida e em demonstração aos nossos próximos, conforme Mateus 05:48:

Sede vós pois perfeitos, como é perfeito o vosso Pai que está nos céus.

Sê perfeito!

Agradeça a Deus, não com palavras, mas com a vida. Declare com a sua ação, declare com atitudes. A sua declaração de agradecimento de verdade, é promovida por mudanças.

Seja, você, uma oração de agradecimento viva, no meio da multidão.

O menor de todos os menores. Um tradicional pentecostal.

8 comentários:

Anônimo disse...

pastor, voce considera que o antigo testamento se refera a fatos veridicos e historicos e a biblia eh um documento absolutamente inerrante? porque?
atenciosamente
lucas.couto@terra.com.br

George Gonsalves disse...

Paz e graça, pastor. Conheci o sr. através de interessante comentário no blog do Renato Vargens (sobre pentecostalismo extremado). Gostei do blog e da mensagem do texto. Estou seguindo. Se desejar, visite-me em www.igrejabatistadoverbo.blogspot.com.

Newton Carpintero, pr. e servo disse...

Prezamado George,

A paz de Cristo, o nosso Senhor!

Você encontrará resposta à sua pergunta quando responder a minha:

Você crer que a Magestade e o Poder de Deus, ou seja, a sua Criação e a sua Ciência permita ou autorize a desorganização da Bíblia - A Palavra de Deus, por insignificantes seres humanos, e não daríamos o crédito necessário pela loucura da limitação da mente do homem e com isto estaríamos satisfeitos em nossas resuluções a cerca de Deus?

Prefiro me encontrar errado ou como que louco varrido por um qualquer que seja, do que duvidar do total controle de Deus sobre tudo e todos à nossa volta.

O Senhor seja contigo,

O menor de todos os menores. Um Tradicional Pentecostal.

Geovani Figueiredo dos Santos disse...

O amor Deus é verdadeiramente indescritível! Nossas palavras jamais poderão descrevê-lo em sua magnanimidade e fulgor. Não é à toa que João se expressou: "Porque Deus amou o mundo de "tal" maneira, que enviou seu filho unigênito". Esse "de tal" evoca sua impossibilidade face a grandeza do "ágape" divino. Como ele, nós somos forçados a reconhecer estupefatos, que não podemos entender qual a altura, largura ou profundidade deste amor que nos abrangeu a todos no Calvário.

Nosso conhecimento é apenas uma fração ante a insondável grandeza do amor e generosidade divinas. Um dia, experimentaremos além do véu, todos os esplendores e glórias desta dádiva eterna. Então, gozosos e cheios de júbilo poderemos cantar e decantar: "Ele nos amou!" Só isso nos bastará por toda eternidade...

Baseados neste amor sacerdotal, possamos agir na terra no tempo que ainda temos para ganhar os perdidos. Com certeza, naquele dia, veremos muitos na multidão que receberam a Cristo em seus corações por nosso intermédio. Orar e agir é tônica de todo bom ganhador de almas. Tal proposição trará consigo resultados sempiternos!


Que Deus continue abençoando a sua vida, Pastor Newton!

Nilson Magalhães disse...

Amem!
Que Deus continue te abençoando eternamente!

Nilson Magalhães.
http://dcnilson.blogspot.com

Anônimo disse...

O pastor me assegurou que concorda com as escrituras quanto a serem divinas ou divinamente inspiradas. Mas, pastor, como conciliar a noção de um Deus de amor com as legislações presentes na biblia orientando a escravidão humana, estimulando-a, ao inves de proibi-la?
atenciosamente
lucas.couto@terra.com.br

Newton Carpintero, pr. e servo disse...

Caro Lucas,

A paz!

Sou apenas um instrumento de Deus para levar Boas Novas.

Somente a sua vida no Altar de Deus e o seu relacionamento com Ele, poderá definir e resolver as suas dúvidas.

O Senhor seja contigo!

O menor dos menores.

Anônimo disse...

nao me admira que o pastor precise de Deus para tudo, se nao consegue exprimir nem mesmo sua propria opinião...
lucas.couto@terra.com.br