quinta-feira, 21 de julho de 2011

O SANGUE de JESUS CRISTO tem PODER!

Esta é uma afirmação constante na vida de muitos crentes.


Em qualquer momento, por costume, uma grande maioria, utiliza esta frase:


O SANGUE de JESUS CRISTO tem PODER!


Afinal, é a frase ideal para uma topada? Para um tombo?

Para uma ofensa de quem quer que seja? Por medo do escuro quando a energia falta, e a luz se apaga? Por perder o emprego? Por um escorregão? Ou por um susto?


É claro que existem outros motivos e o sentido da frase se transforma na boca de muitos, em um costume bem comum e, em certos casos, infelizmente, em um motivo de deboche. Como pode?


Nós os crentes, deveriamos ter o cuidado e a análise correta, do que significa, o SANGUE do CORDEIRO, derramado por nossas vidas. E a parti daí, tomarmos o cuidado, com todo o respeito pelo ocorrido na cruz do Calvário.


Ele, o nosso Senhor Jesus Cristo, foi o maior presente de Deus à toda a humanidade. Nada e ninguém, poderia nos justificar, e permitir-nos o direito de escolha à salvação, mesmo com o nosso livre-arbítrio. 


O Sangue derramado por Jesus Cristo, é de um valor incomensurável, principalmente, quando  entendemos que, sem este sangue, estariamos perdidos por toda uma eternidade.


Mas, por MISERICÓRDIA e BONDADE, recebemos esta afirmação no Livro de João 3:16: 


  "Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna." 


Aceite o meu convite: Não permita que esta frase seja motivo de costume ou de qualquer zombaria.


Maranata!


O menor de todos os menores. Um Tradicional Pentecostal.

5 comentários:

Ev.Wanderlei Domingues da Silva Lopes disse...

Primeiramente quero agradecer por tê-lo como seguidor de meu singelo Blog. Leio frequentemente suas matérias, sempre claras e objetivas e admiro sua forma de não só protestar contra o erro, mas de exortar o povo de Deus e seus líderes a "saírem de cima do muro" e posicionarem-se como verdadeiros Atalaias, diante dos constantes ataques do diabo,e de uma mídia cada vez mais tendenciosa.
Quanto à frase em questão, de fato também tenho observado o uso frequente e indevido da mesma, por parte de muita gente que conhece sua origem e significado. Em alguns casos, a banalização é bastante visível, para tristeza nossa e quiçá, do próprio Cristo, que derramou esse Sangue em resgate por muitos. Já ouvi até artistas de TV, fazendo uso dela, mas daí, é por pura falta de conhecimento mesmo! Creio que o Sangue de Jesus tem, sim, poder, na vida de todo aquele que se aproxima de Deus e crê no sacrifício vicário que o Senhor Jesus realizou na cruz. É preciso saber separar o Sagrado do profano!! Um abraço!

Pregador do Evangelho de Jesus Cristo disse...

Bem refletido meu caro Pastor, concordo plenamente.

PR MAURICIO BRITO disse...

Muito salutar seu coemntário nobre colega. Abraços em Cristo.

Georges disse...

Fiquei chocado certa vez ao ouvir essa frase dentro de um elevador, no prédio onde trabalhava em BH, aos atrás, ao constatar que quem a proferira era uma pessoa incrédula "roxa", usando a expressão como se fosse um mero "puxa vida". Também a palava "misericórdia" vem ganhando "adeptos" no mundão, como simples interjeição. Que Deus não lhes impute esse pecado, pois é quase blasfêmia, na mina modesta opiniã.

Celita disse...

Acho uma profanação quando uma pessoa usa está frase "O sangue de Jesus tem poder," para qualquer provocação e ofensa aos irmãos. Eu me cansei de ver pessoas que amo , muito perto de mim usarem como desabafo e até contra a minha pessoa numa discussão. Que Deus dê sabedoria para não deturpar o sagrado e ofender a Deus.