sábado, 4 de junho de 2011

A nova maneira de se cobrar o dízimo! ACREDITEM OU NÃO!

Verifiquei o anúncio da Passeata PARA JESUS no Rio de Janeiro, e encontrei nomes de participantes.

Fiquei um pouco inquieto! Verifiquei alguma desordem na cabeça espiritual de alguns e cheguei a conclusão, que em breve serei perseguido pelos homossexuais e pelos crentes(?).

Motivo? Não irei calar a minha boca, nestes momentos de escandalos, heresias e falta de responsabilidade, bem acompanhados de extrema irresponsabilidade e interesses de MUITOS alguns. Triste!

Descobri que no time de crentes, em sua luta corpórea, para demonstração aos do mundo, que são crentes, e que os crentes são diferentes, ignoram todas as alternativas de um convívio exato com a Palavra de Deus e criam os seus caminhos, como querem, de uma maneira bem bizonha. E assustadora!

Encontrei um vídeo no youtube.com com o cantor Adriano GOSPEL FUNK e sua apresentação que deve estar deixando muitos, com MUITA coçeira nas mãos.

Vamos verificar? Alguns ministério utilizam até mesmo este ritmo de "louvores", porque interessa a eles. O diabo está brincando e certos líderes aplaudindo.

Clique aqui e verifique: http://youtu.be/T8FxEzMsYAQ

Em tempo: Penso que chegaremos o dia em que fará um grande sucesso em algumas igrejas, encontros, passeatas, programas de televisão, batismos e algumas ceias a BANDA que se apresentar utilizando o nome de: BANDA-LHA. Esta está quase às portas

Maranata!

O menor de todos os menores.

2 comentários:

Moyses Alexandre de Godoi disse...

É a boa e velha conveniência!

Aliás está cheio disso na blogosfera, blogueiros que postam somente o que lhes convém e trará muitas visitas e comentários favoráveis ao texto em questão.

Muda-se a plumagem, mas o pássaro é o mesmo!

Reginaldo Barbosa disse...

Paz do Senhor amado pastor,

Paulo, pelo Espírito Santo disse:"E até importa que haja entre vós heresias, para que os que são sinceros se manifestem entre vós." (I Coríntios 11:19)

Por 25 anos eu fui (ou achei que era) um "fiel dizimista". Mas, aprouve a Deus permitir que meu salário atrasasse e assim não pude entregar o "dízimo" na data estabelecida pela secetaria de finanças que tem o filho do pastor como secretário geral de finanças. Sendo obreiro, fui taxado de ladrão e infiel e, desde então, as mensagens dirigidas do púlpito tinham endereço - a minha pessoa. Mensagens do tipo: "Quem rouba a Deus nos dízimos terá a vida destruída pelo devorador" ou "Quem não devolve o dízimo é melhor preparar o paletó de madeira (caixão) pois Deus vai matá-lo, como matou Ananias e Safira".

Por causa disso, deixei de frequentar os cultos de doutrina às segundas e passei a investigar sobre essa doutrina que muito defendi. Depois de muitas pesquisas não encontrei nenhuma referencia na Bíblia que indique que alguma vez o dízimo foi entregue em dinheiro e muito menos que esse ensino é válido para os crentes da Nova Aliança. Sabendo do conhecimento que adquiri, fui chamado ao conselho de ética e orientado a não ensinar o contrário do que a igreja ensina sobre o dízimo. Minha resposta foi que, a exemplo dos apóstolos, preferi ficar com a Palavra. Fui ameaçado de disciplina caso não mudasse meu pensamento. Estou atualmente em observação mas fui proibido de subir nos púlpitos das igrejas e de ter oportunidades nos cultos. Constantemente, a liderança da igreja desafia aqueles que são mais chegados a mim a imporem as mãos sobre minha cabeça para verem o demônio que julgam estar em mim se manifestar. Ninguém até hoje teve coragem, mas estou sendo desprezado pela grande maioria de meus irmãos em Cristo.

Hoje entendo o que Jesus quis dizer os fariseus "fiéis dizimistas" que davam o dizimo das hortaliças, mas não usavam a JUSTIÇA, MISERICÓRDIA e FÉ (mT 23:23).

Um grande abraço de quem está sofrendo pelo amor de Cristo.

Tenho escrito sobre isso em meu blog: http://crentefeliz.blogspot.com.br/