terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Morro... Favela... Bairro! Falta de respeito das autoridades!

Será um Bairro?
Sinto vergonha das autoridades do Brasil, pelo DESPREZO ao caos habitacional, pelo desleixo, pela falta de responsabilidade, pela roubalheira, pelo abandono, pela policia mal paga e corrupta.

Sinto vergonha, pela falta de VERGONHA e RESPEITO ao cidadão, principalmente no meu estado Rio de Janeiro, outrora, local, conhecido pelo respeito à vida. Hoje, motivo de deboche pelos brasileiros, e por muitos latinos de vários países, inclusive americanos que houvem as notícias escabrosas da violência nos EUA, onde resido há quase dezessete anos. Triste. Muito triste!

Imaginar que desejam transforma a favela em bairro, é o último que poderia acontecer com os moradores nestas áreas deprimentes e acostumados à politicagem em época de política. São enganados como crianças que desejam balas ou doces. Ou quem sabe uma camiseta com o nome de um político!

A população da favela é obrigada a engolir gatos, como se fôssem lebres. Afinal, como recuperar o direito por uma residência humana e digna, com o salário mínimo doado pelo governo? Vergonha total!

Enganos e mais enganos. Cansa.  Estou cansado de tamanha indignidade com o povo brasileiro que por sua vez se acostumou a esta farsa.

Transformar a Favela em Bairro, foi a última piada que ouvi do governo. Triste! Deveriam sim, oferecer ao povo os direitos da dignidade. Chega de enganos!

Desejam transformar a favela em bairro, para que os bairros que existem se transformem em favelas de forma natural. Quem viver verá!

Triste o que desejam fazer com o Brasil. Não precisamos de pastores apoiando a políticos. Precisamos de pastores pregando a verdade sem o interesse comum aos oportunistas.

Maranata!

O menor de todos os menores.

3 comentários:

RODRIGO PHANARDZIS ANCORA DA LUZ disse...

Graça e paz!

Parabenizo o irmão pelo excelente texto e compartilho contigo que também estou cansado de ver todo este descaso.

Estou cansado de ver a população brasileira mobilizando-se em carretas para comemorar a vitória de seu time no campeonato de futebol, mas se omitindo diante de questões mais sérias que afetam o seu cotigiano.

Onde estará a torcida da saúde quando encontramos pacientes morrendo pelos corredores dos hospitais públicos sem o devido atendimento médico?

Onde estará a torcida da educação quando alguns pais têm que dormir na fila de uma escola para poderem matricular seus filhos?

Onde estará a torcida da habitação quando as fortes chuvas de verão provocam deslizamentos de terra que matam dezenas de moradores em áreas de risco?

Será que já nos esquecemos das vítimas do Morro do Bumba cujo deslizamento ocorreu em abril deste ano?

Está na hora da nação acordar e os pastores e líderes comunitários precisam agir.

Vanessa Dutra disse...

Pastor Newton!

O senhor era seguidor do meu antigo blog, que eu excluí há algum tempo mas agora recriei com nova roupagem.
Se puder conhecê-lo, eu agradeço.

Em Cristo.

Ivan Tadeu disse...

Pastor Coloquei seu banner no Blog
Havia feito um novo layout

Depois veja lá

Abração

Ivan Tadeu