segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Divisão de ÁGUAS!

É possível jorrar de uma mesma fonte água DOCE e AMARGA? É POSSÍVEL?


Para a leitura e a verificação dos que participam de informações, através de blogs, segue esta matéria difundida, para agradar a muitos, que estão em uma posição de esclarecimento e não sabem discernir totalmente, como proceder com seriedade, diante de tantos enganos e heresias, e assim, se conformam em buscar líderes de acordo com as suas necessidades.


Esta matéria, foi escrita como agressão a dois escritores: Ministro Labaredas de Fogo e ao Cristão Revoltado(Isaías Medeiros), sem falar que utilizaram o meu nome, NEWTON CARPINTERO como defensor, e em pacto com estes que considero, bem como, a muitos que participam deste espaço. Afinal, o motivo principal, é o de estar divulgando informações concernentes às heresias e apocalípticas situações em que se encontra a igreja,
e com certeza, mantendo sempre o respeito aos que
se posicionam contra a mentira e a hipocrisia.

Segue a matéria para a sua leitura nos links abaixo, bem como, os comentários que existem em seus blogs: 
http://www.genizahvirtual.com/2009/10/paulo-os-poetas-seculares-e-o-irmao.html

http://hermesfernandes.blogspot.com/2009/10/paulo-os-poetas-seculares-e-o-irmao.html
(o escritor da matéria)

http://www.pulpitocristao.com/2009/10/paulo-os-poetas-seculares-e-o-irmao.html

Por favor, não deixem de lê-los. A maior parte fala mal de mim, e definem a minha vida, sem a conhecer e como bem a entendem, apenas com as avaliações desinibidas de seus corações, com o intuito de provar a eles mesmos, que são o que são, ou simplesmente por não aceitar o que vem ocorrendo com a minha denúncia ao ex-pastor Caio Fábio, e suas cartas recebidas e comentadas com um total desrespeito aos muitos que a leem ou a estarão lendo em seu site.

Sem medo dos homens! Com temor ao Senhor!

Convido aos editores destes dois blogs acima, que denunciem o que os incomoda na minha vida. Será deus ou Deus que os impulsiona?

pr. Newton Carpintero

27 comentários:

Isaias Medeiros disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Pretensão sua achar que aquele texto é para si... Não creio que eles fossem se dar ao trabalho de se preocupar com figura tão insignificante.

Mas como voce faz questão de se fazer de vitima para ganhar um pouquino da fama deles, vai mais um famoso para te esculachar:

http://www.pulpitocristao.com/2009/10/paulo-os-poetas-seculares-e-o-irmao.html

Newton Carpintero, pr. disse...

Amargo anônimo e por sinal um covarde,

Fácil se esconder nas trevas e permanecer sem rosto, sem nome e sem sobrenome.

O seu pequeno texto, desmonstra a sua grandeza e altura parecida com a de Golias, tenta meter medo, mas cai ao chão com apenas um pedra e bem pequena.

O Senhor seja contigo!

pr. Newton

"LABAREDAS DE FOGO" disse...

Apenas para os comentaristas:

“Cuidado que ninguém vos venha a enredar com sua filosofia e vãs sutilezas, conforme a tradição dos homens, conforme os rudimentos do mundo e não segundo Cristo;" Colossenses 2:8.

sobre o texto bíblico usado pelo B. Hermes, além de ele afirmar o que não está escrito, existem erros primários de hermenêutica e exegese. E mais:


Os poetas a quem Paulo se referiu (v. 28) eram Cleanthus e Aratus, que o apóstolo habilmente incluiu no seu argumento contra os patrícios deles, cuja proclamada filosofia ele chama de “ignorância” (v. 30).

“Há de julgar o mundo” (v. 31). É do julgamento (governo) dos vivos, não dos mortos, que o apóstolo fala, evidentemente com a intenção de anunciar a vinda do Senhor e a inauguração do seu reino. Da Salvação ainda não tem falado, porque sues ouvintes são filósofos e não pessoas convictas e cansadas. Porém da necessidade do mundo, e do meio de satisfazê-la, podiam querer ouvir, embora ignorassem a própria necessidade; e seus corações poderiam ser comovidos ao ouvir de um reinado de justiça em lugar do despotismo dos Césares sob a qual estavam oprimidos. Mas já ouviram o suficiente para que a simples menção da ressurreição acabasse de esgotar a sua paciência. Alguns zombam; outros cortesmente adiam o assunto para outra ocasião: não acham o ensino importante para despertar a sua hostilidade. Nada se podia esperara de ouvintes como estes, e Paulo os deixa. Não temos notícia de resultados tão parcos em outro lugar, mas para os sábios do mundo a sabedoria de Deus parece loucura!

"LABAREDAS DE FOGO" disse...

È interessantíssimo como ninguém, nem um só, dos comentaristas, falam do satanismo praticado pela banda Led Zeppelin e sobre os personagens da música citada.

Isaias Medeiros disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Isaias Medeiros disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ciro Sanches Zibordi disse...

Caro pastor e amigo Newton Carpintero,

A paz do Senhor.

Sei que o irmão é defensor de pensamentos nada simpáticos, e faz isso com coragem e sinceridade. Mais uma vez lamento pelo tom desse debate e pela maneira como alguns editores de blog se dirigem ao irmão, que, a despeito de ser firme em suas posições, é uma pessoa digna de respeito, pela sua história, talvez desconhecida ou ignorada por aqueles que o agridem com impropérios.

Vejo que o irmão também está utilizando alguns adjetivos contundentes ao se dirigir aos seus desafetos. Mesmo assim, observo que há amor em seu coração. Eu, por exemplo, no seu lugar ignoraria certas críticas pejorativas. Mas a sua corajosa insistência, sem dúvidas, é uma tentativa de mostrar que o irmão não é contra pessoas, e sim contra o erro.

O irmão tem o meu apoio. E agradeço-lhe pela ligação, hoje à tarde. É sempre um prazer conversar com o irmão.

Em Cristo,

Ciro Sanches Zibordi

Ednelson Rodrigo Sales Coelho disse...

Pastor Newton,tudo começou com o senhor indo lá no púlpito esculachar o Léo, mesmo que o senhor fale que o senhor estava "defendendo a ortodoxia da palavras". Agora que as coisas estão tomando maiores proporções o senhor fica querendo dá uma de vítima? O senhor nunca leu na física que para cada ação há um reação e igual e contrária? Pois bem, estás são as reações contrárias, as iguas foi o senhor se juntar com o "revoltado" e o "bola" na mesma opinião. Mais infelizmente seus anos de vida a mais e sua posição de "pastor" não dão brecha para que o senhor pare e reflita sobre tudo isso. Espero sinceramente que faça isso e faça já;gostaria de ter sua amizade, mais prefiro ficar com quem respeita minha opinião, mesmo não sendo as deles, sem tentar me forçar a aceitar as deles. São pessoas que aprenderam a perdoar não 7, mais 70x7 como o senhor mandou e que não saem proclamando "morte ao que vive em pecado"
Paz. reflexão e bem ao senhor!

Isaias Medeiros disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Isaias Medeiros disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Newton Carpintero, pr. disse...

Pre4zamado Isaias Medeiros,

A paz do Senhor!

O que podemos fazer para que estes que não pertencem à igreja verdadeira sejam colocados em sua posição? Nada! Por quê?

Respondo: Existem uma grande "minoria", que não aceita estar de joelhos diante dos deuses deste mundo. Estes são os que verão a olhos nús, o que passa nos corações deste brincalhões e aproveitadores que utilizam o seu tempo com sarcasmo e não para denunciar, mas para ganhar adpetos e se tornarem ídolos de quem não consegue discernir uma verdadeira luz com a iluminação de uma vela.

Isto não passa de um velório com os seus mortos. Sim, o que criou este falso nome utilizando o meu sobrenome, demonstra a sua queda vertiginosa e se condena na sua própria rebeldia.

Não passa de um outro covarde que se esconde em sua própria sombra.

O que fazer se vivemos na Luz?

O Senhor seja contigo!

pr. Newton

Newton Carpintero, pr. disse...

Nosso e prezamado pr. Ciro Zibordi,

A paz do Senhor!

Sinto-me honrado, ao receber o seu comentário, o seu apoio e conselho.

É excelente estar conhecedor, que o amado pastor, possue a segurança e o discernimento que me sabe orientar a qualquer dos meus erros, neste caminho de sempre aprender.

Com certeza, devo ter ultrapassado na minha escrita o necessário ao lidar com estes, que se vestem de desafetos, e sem dúvidas devo ter ultrapassado as minhas desnecessariamente.

Aceito o seu conselho. Devo eliminar em breve as ofensas com o intuito pejorativo nos comentários recebidos. De que vale para o Evangelho permitir à mostra destes desafetos e seus comentários sem a definição correta diante de Deus?

Grato meu amigo, pr. Ciro Zibordi, por sua vida e dedicação ao Senhor. E grato, mais uma vez, por ser um exemplo nesta blogosfera.

O Senhor seja contigo!

pr. Newton

Márcio de Souza disse...

Sinceramente, tive péssimas experiências com esse "cristão revoltado". revoltado com o que? Ele esteve no meu blog e se posicionou pessimamente sem que eu jamais o tivesse atacado... ser solidário a esse fariseu é assinar embaixo da palhaçada que está o cristianismo hoje.

E tenho o dito.

Newton Carpintero, pr. disse...

Prezamado Marcio de Souza,

A paz do Senhor,

Você citou o ser solidário com o Cristão Revoltado, que já possui nome, e o respeito, como a qualquer outro. Afinal, consegui ser ouvido pelo C.R. que assina como Isaías Medeiros.

Falam de que também apoio um tal de FAKE chamado de Ministros Labaredas de Fogo. Este conheço o seu nome e tive a oportunidade de conversar várias vezes por telefone e ouviu meus conselhos. Afinal, quem não necessita de conselhos. Eu me aconselho por muitas vezes com pastores que respeito.

Somente não aceito o chulo e a ofensa de quem quer que seja, mas a infantilidade se pode discernir da maldade. E, muitos são maus! Não infantis!

Saiba que por diversas vezes tenho conversado com alguns irmãos afoitos em sua maneira de descrever o que sente, e o resultado tem sido interessante.

Vamos colaborar com estes que poderão no futuro, nos dar as mãos no bom resultado do serviço ao Senhor.

O Senhor seja contigo!

pr. Newton

Danilo Fernandes disse...

Newton,

Fico mais tranqüilo com meu coração ao perceber que por este post e as alegações dirigidas e atribuídas a minha pessoa, está claro que o senhor está vitimado de algum tipo de desequilíbrio, ou então insuflado por um agente do mal (será?).

Quero crer que a única resposta que lhe enviei foi dura, mas educada e propôs o final desta confusão entre irmãos. O senhor a recebeu. Se há dúvida, foi enviada cópia para o Isaias.

Sua escolha foi insistir na discórdia. Sinto muitíssimo.

Realmente, numa coisa o senhor tem razão sobre o que atribui a mim. Eu realmente acho que sou superior ao senhor nesta história.

Digo isto baseado na seqüência dos fatos. A quem quiser conferir, basta ver em meu blog ou nos demais aqui envolvidos se há ataque a seu nome. Não há! Atacamos as idéias.

Há uma resposta bem humorada e inteligente, uma alegoria percebida apenas por quem conhece os fatos. Lida nas entrelinhas. A mensagem, contudo é sobre o papel e o uso de ícones populares para a evangelização.

Não lhe obrigo a concordar com esta prática, apenas apontamos precedentes bíblicos para tal.

Sentiu-se ofendido? Pois foi o senhor a atirar pedras primeiro a quem escreveu o artigo. Foi o senhor quem em resposta ao artigo do labaredas usou nome, link e meteu seu dedo na cara das pessoas. O senhor, não outro.

- Herege! Herege! Tu não pensas como eu! (foi o que disseste na essência).

Falou o que quis, não mediu as conseqüências de se meter com que estava em seu canto. Ouviu o que não quis. Mas ouviu com educação. Nas entrelinhas.

Talvez preferisse discutir com alguém que ao invés da inteligência e do humor usasse de impropérios e de “ira santa” como fazes! Sinto muito Newton. Não sei fazer este papel de fariseu ensandecido. Esta muito aquém da minha capacidade. (Outra vez concordando com sua alegada afirmação de minha parte que lhe sou superior, sim devo ser mesmo!).

(continua)

Danilo Fernandes disse...

(continua)

Newton, tão pouco vou deixá-lo escrever a minha agenda sobre o que eu julgo ser importante dirigir a minha verve, se a apostasia aberta ou a diferenças teológicas.

Por exemplo, tenho minhas convicções teológicas, mas respeito quem pensa diferente. Mais do que isto: Tenho, inclusive, entre os que mais admiro as idéias pastores que são de outra vertente teológica! Sou companheiro de blog de pessoas com idéias diferentes. E entre os maiores blogueiros cristãos, no topo mesmo, coloco nosso admirado Pastor Ciro, que para mim é uma força da natureza! Ele pentecostal, eu reformado. Percebe? Altair Germano, outro gigante! Valmir Nascimento Milomem também. Leonardo Gonçalves, assembleiano. Antonio Carlos Costa e Renato Vargens (reformados), Hermes Fernandes (reformado), e por ai vai! Todos lutando lado a lado, não fazendo intrigas. E tantos outros no meu blogroll.

Aliais Newton, já disse e repito novamente. O senhor bendiga os blogueiros pentecostais, pois são estes quem mais tem lutado contra a apostasia aqui e nos estados unidos, enquanto a maioria dormia na paz da superioridade eleita, deixando a igreja (que deveria ser) de Jesus se transformar num circo.

Newton, não quero pensar como você. Quero pensar como Cristo!

Se Cristo usou uma prostituta para ensinar piedade, misericórdia e prioridades, não posso eu usar um cantor popular? Usou uma adúltera ensinar julgamento, humildade e o papel da lei. Não posso eu usar as palavras de uma drogada ateia que diz amar um Deus que nunca lhe foi apresentado, pois não encontrou quem pregasse para ela?

Deus usa quem quer, a despeito de sua vontade. Usou Agostinho que era devasso, usou mula, usou assassino e outros tantos. E não foi necessário que estas pessoas virassem beatas para sem usadas não! Deus as usou antes! Mudou e continuou usando e, dizem, passou a usá-las menos para os aflitos depois que estas viraram pudicas... Triste, não?

Você me lembra Jonas. “Não vou ali pregar para aquele povo ruim não! Eu ter de falar a língua deles, comer com eles? Jamais”.

Vou para a Florida que é limpinho e aproveito para ficar detonando quem não gosto pelo computador.

Newton! Pare de dar congestão em baleia! O senhor e seu computador são demais para bichinha!

Retorne a lutas que interessa. O senhor quer o que? Um pouco da minha atenção? Então ai está. Vim aqui comentar, OK? Mas não vou te dar link no meu blog não! A não ser que queiras trocar banner! Risos.

Resumindo, as ofensas, os nomes, os irmãos, os links, etc. Partiram todos do seu blog e de seus fieis escudeiros. Não partiram dos nossos. Quem quiser confira. A verdade é clara. Há testemunhas isentas dos fatos.

Lamento por sua atual figura.

Vou deixa-lo aqui a discutir com os cataventos e retomar meus afazeres. Tenho de trabalhar e manter o meu blog. Meu tempo é precioso e devo evangelizar e alertar aos irmãos das apostasias da igreja. Aqui perco meu tempo.

Mui respeitosamente, diante da sua história, que embora desconheça, confio em que afiançou desejo-lhe paz e tranqüilidade.

Danilo

- Este fui eu quem escreveu!

Danilo Fernandes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Robson Silva de Sousa disse...

Prezado Pr. Newton Carpinteiro...

Louvo a Deus por tua vida...

Infelizmente não tenho tido muito tempo de acompanhar teus posts, mas sei de tua coragem e determinação para lidar com situações difíceis como as presenciadas aqui neste espaço.

Concordo com o Pr. Ciro quando ele diz que há momentos em que devemos nos reservar o direito de não responder a determinados impropérios... Não nos cabe tal atitude...

Essa coisa de para cada ação uma reação, da ótica humana é uma coisa, da divina é outra totalmente diferente...

Lembre-se do Senhor a caminho do calvário: esbofeteado, açoitado, cuspido, esfolado, encravado com espinhos, torturado ao extremo, pregado no madeiro, insultado e desafiado... "Ele não abriu a sua boca".

Lembrai ainda de suas palavras:

"Quando, pois, vos conduzirem e vos entregarem, não estejais solícitos de antemão pelo que haveis de dizer, nem premediteis; mas, o que vos for dado naquela hora, isso falai, porque não sois vós os que falais, mas o Espírito Santo." (Mc 13:11).

Eu daqui prossigo ouvindo (lendo tudo) e retendo o bem!

Abraços,

Robson Silva

Newton Carpintero, pr. disse...

Prezamado pb. Robson Silva,

A paz do Senhor!

Bom saber da sua presença neste espaço, com conselhos e observações pertinentes à nossa conduta.

Importante, porque vem com base na vida dedicada ao Senhor e o desejo de promover com responsabilidade o Evangelho da Verdade.

Deus te sustente, nesta virtude e desejo de proclamar com sabedoria o Direito à Salvação, nos concedido por Jesus Cristo, o nosso Senhor.

Um grande abraço,

pr. Newton

Bárbara Matias disse...

Paz do Senhor a todos...

(Uau, serei a primeira mulher a comentar... rs)

Confesso que ia falar sobre o assunto proposto, mas lendo o que já foi comentado e, com todo respeito pastor, perdi a vontade de comentar quando li sua resposta ao anônimo...

"Amargo anônimo e por sinal um covarde
(...)
O Senhor seja contigo"

A primeira frase não tem nada a ver com a última e eu não gostaria (em hipótese alguma) que alguém se dirigisse a mim dessa forma, principalmente se estou participando de um blog público cujo proprietário é pastor...

Não é nada pessoal, mas eu tenho enorme paixão pelas almas e penso na possibilidade de um não cristão ler isso... Não é a imagem que eles pretendem ter, ainda que sejamos falhos temos discernimento acerca das coisas, ainda mais quando podemos pensar antes de publicar!

Pequenas coisas, assim, faz com que nós cristãos sejamos generalizados e muitas vidas se perdem por isso. Por falta de amor em certas palavras.

Também tenho um blog e todo e qualquer comentário é válido. Sim... É público.
Não me importo, não julgarei os que me julgam e os amarei porque talvez eu tenha errado com eles ou em qualquer outra coisa... talvez não, sou falha.

Pra quê tanta contenda por besteira. Somos todos um corpo só... Não é difícil termos a mesma visão, o mesmo espírito! É só seguir a Bíblia!

Vamos fazer algo mais produtivo que é ganhar almas pra Jesus, espalhar a verdadeira mensagem da cruz... Ao invés de ficar discutindo quem falou de quem, né...
Vamos exercitar o amor ainda que nas pequenas coisas...

Por hora, não pretendo comentar sobre o assunto proposto, mas continuarei acompanhando os vossos comentários!

Com carinho em Cristo!

Newton Carpintero, pr. disse...

Prezamada irmã Barbara Matias,

A paz do Senhor!

O que parece ser errado e péssimo aos seus olhos, é válido e correto quando afirmo, mesmo como pastor, que quando se utiliza o recurso maldoso e covarde como anônimo, não deveríamos nem ao menos, publicá-lo, e saiba a irmã que por vezes não publico certos comentários por respeito aos leitores com a sua característica, sua preocupação, e muito mais por destestar palavras chulas utilizadas em diversos blogs.

Não utilizei palavra chula, ao definir o anônimo como covarde, a palavra covarde, pense a respeito, não é uma zombaria e sim uma qualidade, pois, estes são os destruidores que passeiam no meio da igreja, enganando e sendo enganado por suas próprias mazelas.

Se a palavra covarde a assustou e a deixou preocupada, por favor, não visite aos blogs que a deixariam em estado de choque ou com o cabelo em pé.

Leia novamente o meu texto e entenda que o respondi com educação e corretamente.

Visite sempre o meu blog, pois, aqui, você não encontrará palavras chulas. Tenho uma responsabilidade com o meu Deus e teu Deus.

O Senhor seja contigo!

pr. Newton - Contra as zombarias e palavras chulas.

Leo Cristão Peregrino disse...

Pr. Newton, gostaria que acabassem com essas difamações. Não entendi o Hermes e o Danilo, pessoas sérias e comprometidas com o Reino agirem assim. Acredito que estejam equivocados. O senhor é um homem, pelo que tenho acompanhado, também comprometido com a sanidade do evangelho e indignado com as heresias e os vendilhões da fé.

Gostaria de ver os irmãos fazendo as pazes, e trabalhando em prol do Reino, da sanidade do evangelho, da apologética que constroí, do amor que une.

Somos peregrinos em terra estranha, nosso tempo é pouco, devemos aproveitar as oportunidades e não desperdiçar nossas vidas.

Danilo, meu amigo, te acompanho a um bom tempo, e o pr Hermes a um tempo pouco menor, o trabalho de vocês é muito bom e tem me animado a lutar pela verdade, pois muitas vezes, como Elias, achava que estava só nessas lutas. O Leo do púlpito também tem feito um trabalho digno. Vamos viver uma teologia com paixão por Jesus, apologética por Jesus, o que precisa ser combatido, será, o que precisa ser consertado, será, o que precisa de reconciliação, acontecerá.

Podemos ter divergências de interpretação, teológicas, graças a Deus por ela. Tenho minhas convicções teológicas, digo não ao ecumenismo, a teologia da prosperidades, aos abusos de poder pastoral, a unção financeira e de intrepretações bílbicas claramente equivocadas.

Pr Newton, o qual não conheço a não ser pelo blog, tem um projeto de uniao entre blogueiros apologeticos e creio que isso pode nos ajudar a atingir mais pessoas, levar a Luz, a Verdade.

Leo

Newton Carpintero, pr. disse...

Prezamado Leo Cristão Peregrino,

A paz do Senhor!

Agradeço o seu comentário, digno de seu desejo em agradar ao Senhor como servo de Deus e interessado por seu Evangelho.

Não tenho nenhum problema com os afoitos irmãos que por vezes, não procedem em seus argumentos com a utilização de apoio aos que utilizam palavras chulas em seus argmentos, por vezes, agressivos e ofensivos.

Verifique o amado, que não possuo estas características, por temor ao Senhor e por não fazer parte em meus momentos, o assim proceder. E, não, observe bem, não sou difamador.

Afinal sou ou não um servo, e por acaso o menor de todos?

Com cuidado o amado verificará que apenas exalto ao Senhor e não estarei nunca na internet para prover brincadeiras e muito menos a exaltação desnecessária, a quem já possui a certeza, que nada se pode realizar sem a Misericórdia e a Bondade de Deus.

O Senhor seja contigo e sempre visite este blog com as suas palavras de carinho e preocupação.

pr. Newton

Hermes C. Fernandes disse...

Caro pr. Newton, graça e paz... muita paz.

Gostaria de expressar minhas desculpas se por ventura lhe causei qualquer dano com a postagem sobre Paulo e os poetas seculares. Não foi esta a minha intenção. Era apenas uma paródia, revelando a razão porque creio que devemos estar abertos à cultura popular, buscando discernir nela os anseios da sociedade.

Em momento algum seu nome foi citado. Aliás, não citei o nome de quem quer que fosse. Usei nomes fictícios, de pessoas que parecem não concordar com a nossa postura.

Nosso amigo "Labareda" não fez o mesmo, citando ostensivamente o meu nome, e ainda por cima, usou como tag de sua postagem o termo "satanismo". Ora, isso sim é um desrespeito.

Em outra postagem dele, disse que eu troquei o céu pelo carnaval.

Infelizmente, não dá pra debater com um fake.

Quanto a ti, tenho-o em grande estima, e até gostaria de sugerir que nos encontrássemos qualquer hora dessas pra tomarmos um café.
Em quê cidade da Florida o irmão desenvolve seu ministério? Também estou aqui, e talvez estejamos mais próximos do que suponhamos. Se quiser me passar seu número, podemos nos falar por telefone.

Como o irmão, amo a Deus e a Sua verdade.

Podemos trocar idéias, debater, discordar, mas jamais nos desrespeitar.

Espero com isso, colocar um ponto final nesta situação.

No amor de Cristo, nosso Senhor e Mestre.

Hermes C. Fernandes

Newton Carpintero, pr. disse...

Prezamado pr. Hermes Fernandes,

A paz do Senhor!

O ponto final já foi colocado, e agradeço o seu contato e comentário. Afinal, o nosso interesse deve ser o principal objetivo de nossas vidas. A pregação do Evangelho de Verdade.

Muito me entusiasma a oportunidade em poder contactá-lo e juntos nos agraciarmos com experiência e a transferência de opiniões.

Por favor, envie o número do seu telefone para o meu e-mail pastor.newton@yahoo.com , e prontamente o contactarei.

Será um prazer nos reunimos, com absoluta certeza. Resido no Condado de Broward.

O Senhor seja contigo!

pr. Newton

Newton Carpintero, pr. disse...

Prezamados comentaristas,

Infelizmente, recebi mais uma vez, este comentário que publicarei por insistência do profissional de marketing e publicitário, Danilo Fernandes do Genizah.

Havia eu eliminado a matéria com o título: NÃO VIVO NAS SOMBRAS, para eliminar o mal estar causado. E por avisá-lo que não aceito mais ofensas e ameaças. Mas, por sua aparente insistência e contra a minha vontade, no ideal de não vê-lo prejudicado em suas próprias e muitas palavras, eliminei também os comentários.

A insistência me obriga o direito de permitir o seu comentário, portanto cabe ao leitor compreender este motivo que é o dele em se expressar.
.........................
(CONTINUANDO)

Newton, tão pouco vou deixá-lo escrever a minha agenda sobre o que eu julgo ser importante dirigir a minha verve, se a apostasia aberta ou a diferenças teológicas.

Por exemplo, tenho minhas convicções teológicas, mas respeito quem pensa diferente. Mais do que isto: Tenho, inclusive, entre os que mais admiro as idéias pastores que são de outra vertente teológica! Sou companheiro de blog de pessoas com idéias diferentes. E entre os maiores blogueiros cristãos, no topo mesmo, coloco nosso admirado Pastor Ciro, que para mim é uma força da natureza! Ele pentecostal, eu reformado. Percebe? Altair Germano, outro gigante! Valmir Nascimento Milomem também. Leonardo Gonçalves, assembleiano. Antonio Carlos Costa e Renato Vargens (reformados), Hermes Fernandes (reformado), e por ai vai! Todos lutando lado a lado, não fazendo intrigas. E tantos outros no meu blogroll.

Aliais Newton, já disse e repito novamente. O senhor bendiga os blogueiros pentecostais, pois são estes quem mais tem lutado contra a apostasia aqui e nos estados unidos, enquanto a maioria dormia na paz da superioridade eleita, deixando a igreja (que deveria ser) de Jesus se transformar num circo.

Newton, não quero pensar como você. Quero pensar como Cristo!

Se Cristo usou uma prostituta para ensinar piedade, misericórdia e prioridades, não posso eu usar um cantor popular? Usou uma adúltera ensinar julgamento, humildade e o papel da lei. Não posso eu usar as palavras de uma drogada ateia que diz amar um Deus que nunca lhe foi apresentado, pois não encontrou quem pregasse para ela?

Deus usa quem quer, a despeito de sua vontade. Usou Agostinho que era devasso, usou mula, usou assassino e outros tantos. E não foi necessário que estas pessoas virassem beatas para sem usadas não! Deus as usou antes! Mudou e continuou usando e, dizem, passou a usá-las menos para os aflitos depois que estas viraram pudicas... Triste, não?

Você me lembra Jonas. “Não vou ali pregar para aquele povo ruim não! Eu ter de falar a língua deles, comer com eles? Jamais”.

Vou para a Florida que é limpinho e aproveito para ficar detonando quem não gosto pelo computador.

Newton! Pare de dar congestão em baleia! O senhor e seu computador são demais para bichinha!

Retorne a lutas que interessa. O senhor quer o que? Um pouco da minha atenção? Então ai está. Vim aqui comentar, OK? Mas não vou te dar link no meu blog não! A não ser que queiras trocar banner! Risos.

Resumindo, as ofensas, os nomes, os irmãos, os links, etc. Partiram todos do seu blog e de seus fieis escudeiros. Não partiram dos nossos. Quem quiser confira. A verdade é clara. Há testemunhas isentas dos fatos.

Lamento por sua atual figura.

Vou deixa-lo aqui a discutir com os cataventos e retomar meus afazeres. Tenho de trabalhar e manter o meu blog. Meu tempo é precioso e devo evangelizar e alertar aos irmãos das apostasias da igreja. Aqui perco meu tempo.

Mui respeitosamente, diante da sua história, que embora desconheça, confio em que afiançou desejo-lhe paz e tranqüilidade.

Danilo - Este fui eu quem escreveu!
...................

Terminada a oportunidade acima, desejo ao Danilo Fernandes, paz de espírito e que o Senhor possa ajudá-lo em sua caminhada sem mais me enviar ameaças ao meu e-mail pessoal, para que somente eu participe da leitura e sinta medo. Triste mas é verdade!

pr. Newton