segunda-feira, 16 de março de 2009

Você pode e deve julgar estes vídeos.

Sem palavras! Julgue você mesmo! Verdade! Você pode julgar!

Escondido no ensino que não devemos julgar. Muitos estão se escondendo da verdade.

Sem palavras! Precisa-se falar algo sobre estas imagens? Se está errado ou certo diante de Deus?

Precisa? Precisa? Precisa?

Claro que não! Porque o Senhor é Santo, Santo e Santo.

pr.Newton Carpintero

10 comentários:

Lucas Marin disse...

Só está acima dos julgamentos alheios quem está em plena comunhão e santidade com Deus!
O restante... já começa estando a mercê do julgamento do próprio Deus, através de sua suprema Palavra e Verdade!
E mesmo o que disfruta de plena firmeza em Deus está sujeito a julgamento (ou prova) e examinação humana, mas a mesma pessoa a ser julgada não deve temer, porque maior é o que a sustenta e, no fim de tal exame, se mostrará aprovado, pois com ela está Deus e, Deus com ela!

Pr. Newton disse...

Prezamado irmão Lucas Marin,

A Paz do Senhor!

Bom vê-lo de novo, com mais este comentário. Precisamos ter a coragem de abrir nossas bocas, para que muitos investiguem o que passa diante de nossos olhos, na certeza, que os nossos pensamentos estão firmados no Senhor.

O Senhor esteja contigo sempre!

Obs.: Tenho lido os seus comentários no blog do nosso amado pr. Ciro Zibordi.

pr. Newton

Anônimo disse...

Pr. Newton.... seu blog é uma crítica atrás da outra! Só tem exposição dos problemas dos outros! Li sua primeira matéria e, quando fui para baixo da página, percebi que era somente críticas à tudo quanto é tipo de manifestação evangélica que saia do tradicional!

Por esse motivo, suas publicação e opiniões perdem todo crédito e validade, pois nota-se claramente o tempo desperdiçado em buscar e analisar cada caso para 'desmascarar' esse ou aquele pastor ao invés de canalizar toda essa energia para falar de Jesus em, digamos, uma praça pública ou então, pelo menos, em oração!

Pr. Newton disse...

Caro Anonimo,

Seja bem-vindo a este blog, e tenha sempre a oportunidade de criticar. Afinal, cada qual, possue seus pontos de vista ou de afirmação.

No meu caso, o que escrevo, não é nenhum, ponto-de-vista, pois, afirmo, com certeza, dos erros de muitos, como apologista, conforme informação abaixo:
apologia
a.po.lo.gi.a
sf (gr apología) 1 Discurso ou escrito laudatório para justificar ou defender alguém ou alguma coisa. 2 Elogio, louvor, panegírico. Antôn (acepção 2): censura.

Estou , sem medo de escrever ou falar, e muito convicto, que muitos necessitam ser desmacarados da sua tribuna, e de seus verdadeiros enganos.

Quanto aos textos deste blog, creio que a sua afirmação não condiz, pois, alguns textos, você não os leu, como segue abaixo:

Existe o impossível para Deus.
Quão Grande és Tú.
A fé perfeita em Deus.
Qual a palavra de agradecimento, que poderei eu encontrar diante do meu Deus.
Eu aprecio, este estilo de pregação sobre a prosperidade.
Pastor com cheiro de ovelhas.
Espere a chuva passar.
Eu vi. Parece incrível.
E outros mais.

Um lembrete: A sugestão para pregar em Praça Pública, é excelente, e foi, o que fiz durante anos na minha vida, hoje, não me é permitido, pois, resido nos EUA, e aqui, as leis são diferentes. Mas, quanto as orações, saiba que vivo em posição de orar e vigiar, para não cair nos laços do inimigo e ser enganado por falsas doutrinas.

Deus te oriente e te proteja dos enganos deste mundo.

Na próxima vez que retornar, por favor, não se envergonhe, e deixe o seu nome verdadeiro, pois, o meu o é.

Sem medo de assinar o meu nome,
Pr. Newton

Anônimo disse...

"Sem medo de assinar o meu nome" denota quão sarcástico foi teu comentário, o que nos diz muito a seu respeito e seus textos.

Sem mais,

Anônimo da Silva

Pr. Newton disse...

Caro Anonimo da Silva,

Agradeço o seu retorno ao meu blog, mesmo com a sua posição, relacionada ao meu comentário, que surgiu após o seu.

Creio que você não foi sarcástico comigo, no primeiro texto, e nem no segundo, mas, creio que foi apenas, defensor do seu pensamento nas suas convicções. Isto não é feio, e nem destrutivo, apenas assim, poderemos manter um contraste, sobre o que cada um de nós pensa com base, ou buscando concordância em nossos desafios com a Verdade.

Segue abaixo para a sua referência o significado de Sarcasmo:
do Lat. sarcasmu < Gr. sarkarmós
s. m., zombaria insultante; escárnio; ironia amarga, mordaz.

Verifique os meus texto e verás com paciência, que não estou utilizando de zombaria insultante; escárnio ou ironia amarga, e muito menos sendo mordaz, mas, com certeza, estou sendo direto e objetivo com as zombarias que insultam o Evangelho, com o escárnio desenfreiado com o Evangelho (incomodando as trevas que tentam amargar a vida do crente, ou incentivando com as brincadeiras carnais na Igreja), e muito menos mordaz.

Verifique o significado de mordaz, e descobrirá que lhe falta apenas, parar e pensar, no que você diz, e definir os seus sentimentos.

mordaz
adj. 2 gén., que morde; que corrói; picante; pungente; satírico; maledicente.

Assim, penso que não produzi, nenhuma mordida na verdade, e sim na mentira, muito menos, pretendo corroer a mente de alguém com qualquer maledicência, e com isto evito quem muitos sejam picados pela serpente, sempre desejosa de produzir feridas.

Deus te ilumine e te ajude. Continue nesta sua atenção aos textos e continue avaliando. Não importa o que pensas agora, mas, para mim, o que importa é o que poderás vir a pensar em um futuro bem próximo.

Obs.: Desta vez, pelo menos, você utilizou um sobrenome, e posso pelo menos chamá-lo de Da Silva,

Pr. Newton

PB.JAILSON TRAJANO disse...

Pr.Newton
Obrigada pela sua honrosa visita e postagem ao nosso blog,só veio a os motivar mais e mais a mantemos essa porta aberta a qual foi nosso Deus que nos permitiu para anunciamos o evangelho verdadeiro sem medo e com muita ousadia.
Paz!

Jæn disse...

Pastor Newton, a Paz do Senhor =D

Eu compreendo os comentários do anônimo no sentido que esse post não apresenta uma análise bíblica sobre o assunto e por isso foi considerado "críticas à tudo quanto é tipo de manifestação evangélica que saia do tradicional!". Eu não li os outros posts por isso não posso dizer nada quanto ao resto do blog.

A minha opinião sobre o assunto vem por dois angulos. O primeiro é a necessidade da comunidade evangélica caminhar em conjunto. Se esse tipo de manifestação escandaliza o proximo então não deve ser feito.
Paulo escreve em Corintios 8 sobre o comer carne. Ele diz que se eu escandalizo o meu irmão ao comer carne, então nao devo comer, para que meu irmao nao se escandalize. Muitos irmaos ficam escandalizados com essas manifestacoes desses videos.
Eu por exemplo, quando me converti cortei o cabelo porque muitos irmãos mais antigos se escandalizavam com meu cabelo.
O segundo vídeo me assusta especialmente!
Já o primeiro vídeo ainda serve como uma maneira de evangelizacao da juventude, apesar de eu achar que balançar a cabeca nos cultos ao som de trash metal nao parece uma boa forma de louvar ao Senhor.

Em Corintios 11 Paulo define a forma de se apresentar dos irmaos e irmãs. No contexto Paulo diz pras irmãs nao cortarem o cabelo e pros irmaos nao o manterem grande (para parecer decente: se Paulo viesse hoje talvez dissesse pras irmãs não andarem com decotes muito grandes ou com shorts muito curtos ou calças muito apertadas). Ele pretende com essas definições dicernir VISUALMENTE os crentes dos nao crentes. Logo, aqueles que se convertem devem se 'diferenciar', na aparecia tambem, daqueles que nao sao convertidos.

É minha opinião, mas não a considero grande coisa. Ela pode mudar com o tempo, ou se aprofundar. Pode ganhar mais fundamentos ou receber argumentos convincentes o suficientes pra me fazer mudar de idéia. Sou jovem e meio 'imaturo' na Palavra, por isso fico feliz se alguem me corrigir de alguma forma =D

Grande abraco
Jean Daniel

Pr. Newton disse...

Prezamado pb. Jailson Trajano,

A Paz do Senhor!

Eu que agradeço a Deus por sua iniciativa, e a você por visitar este blog com o seu comentário.

Continue, sempre entusiasmado e produzindo, ao que promove o melhor para os crentes em Jesus Cristo, o Nosso Senhor.

Deus seja contigo sempre!

pr. Newton

Pr. Newton disse...

Prezamado Jean,

O Anonimo deve ser compreendido, com base, no livre-arbítrio, afinal, cada um possue o seu argumento, que será conhecido e contrastado, com a palavra de Deus em sua orientação à Igreja.

As críticas são fundamentadas, e não com base às “manifestações evangélicas que saia do tradicional”, mas, quanto ao equívoco produzido por estas nefastas manifestações que agridem e estimulam o erro.

A comunidade evangélica, somente caminhará em conjunto, se os participantes forem orientados por Deus. Sempre haverá situações embaraçosas, em que se destacará o sincero de coração com base em I Coríntios 11:19:

E até importa que haja entre vós heresias, para que os que são sinceros se manifestem entre vós.

As manifestaões causam indignação, aprendizado e a descoberta que existe a atuação das trevas no meio evangélico, portanto, a verdade deve ser manifestada, pois, são muitos o que se corrompem pelo erro.

Sobre o segundo vídeo, apenas serve, para que haja preocupação e vigilância de alguns. Hoje, em dia, existem certos tipos de detergentes, que parecem suco de frutas pelo cheiro e cor, e assim, mantém informações importantes exigidas pelo governo, como: “CUIDADO COM AS CRIANÇAS. EXTREMAMENTE PERIGOSO SE FOR INGERIDO”, porque ao tomá-lo, as vezes por engano, se descobre que não passa de veneno. Assim, é com muitos néscios dentro da igreja. São enganados com facilidade!

Com certeza, o HeavyMetal, não é uma forma de louvar ao Senhor! Imagine Davi louvando ao Senhor com seus belíssimos Salmos no ritmo HeavyMetal. Que loucura! O próprio Espírito Santo orienta o servo fiel ao verdadeiro louvor.

Sobre a forma de vestir, com certeza, a Bíblia não erra, apenas o homem, comete o erro de tentar conseguir benefícios de Deus, com aparências de santidade, ou o seu extremo com aberrações.

É importante entender, que existe a capacidade normal do ser humano em avaliar o que é correto e necessário, para não ser confundido por imoral e causador de concupiscência (ver definição abaixo).

do Lat. Concupiscentia s. f., desejo ardente de bens ou gozos materiais; lascívia; luxúria; apetite sexual.

Os valores do crente deve refletir a sua condição de filho de Deus, por dentro e por fora.

A sua opinião é de grande valia, e o seu interesse, é excelente, e se aperfeiçoará com o tempo. Eu, sempre estou me transformando, conforme está escrito em I Pedro 1:15:

Mas, como é santo aquele que vos chamou, sede vós também santos em toda a vossa maneira de viver.

Você não é imaturo! Apenas está em busca de conhecimento. Portanto, não esqueça nunca, que o princípio da sabedoria, é o temor a Deus.

Deus seja contigo! Sê fiel!

Pr. Newton