sábado, 29 de novembro de 2008

Você acredita em tudo que ouve ou vê?

O interesse em agradar ou em promover a sua música, está permitindo o irracional há alguns crentes - mas...........crente até o diabo é.

Verifique e analise palavras tão superficiais e fora da realidade. Você pensa diferente? ou se comove com a mentira, hipocrisia ou apenas um sentimento qualquer de bondade e engano?

Você acredita no que diz a cantora - abaixo, e infelizmente é confirmado pelo pastor entrevistador - abaixo? Você acredita que um católico apostólico romano, com a sua idolatatria, poderá ser mais convertido que um cristão de verdade? Claro que não! É pura hipocrisia e interesse comercial, tal afirmação. Por favor, verifique!


´
Sempre será o momento exato de acordar destas armadilhas que destroem com muitos incautos e néscios.

Que pregadores de verdade e cantores inspirados por Deus não desanimem. Afinal, haverá fé racional nos últimos tempos? Claro que o engano cresce a cada dia.

Sem medo de afirmar!

pr. Newton Carpintero

4 comentários:

Anônimo disse...

Pr. Newton,

A paz do Senhor!

Vi a entrevista da tal cantora e refleti no assunto Idolatria. A origem da idolatria é "Adorar outros deuses", ou seja, UM "deus" literalmente. Jesus no Evangelho disse que as riquezas, preocupações excessivas com as coisas materiais ou terrenas não podiam ter lugar no coração dos santos, ele denominou tais preocupações de MAMON, ou seja, "deus das riquezas" e disse ainda que o servo não pode servir a dois senhores. Idolatria então é adoração a outros deuses.
Os católicos não adoram outros deuses (que paulo chama de demônios) no sentido literal da palavra, porém, se prostram diante de imagens (ato totalmente condenado por Deus)onde pelo seu exemplo acreditam que este poderá encurtar a distância para receber uma "graça". Históricamente os católicos romanos tem uma deusa chamada "Maria" que na verdade é Semíramis deusa da mitologia babilônica a mãe de Ninrode, mas isso quem sabe é a elite de teólogos católicos romano, porque no pensamento do povo é Maria a mãe de Jesus que inclusive "apareceu" para muitos como: Aparecida, Nazaré, Fátima, etc.
Diante disso Pr. Newton, no nosso meio percebemos a presença de mais a idólotras originais, porque adoram outros deuses, ou seja, a igreja evangélica nunca teve tão casada com Mamon como hoje, e Mamon está presente em todas as Igrejas sem exceção, eu disse todas as igrejas, não em todas as pessoas, porque há um remanescente e creio que o irmão seja um. Por isso creio que não é dificil de encontrar algum católico que não concorde com as vias romanas, mas goste da liturgia até mesmo sem entende-la, mas que reconheça Jesus como Senhor e esse viés, creio que só Jesus pode responder porque salvação é algo tão espantoso que sinceramente tenho medo de condenar uma pessoa e no final descobrir que o condenado sou eu. Mas agradeço a participação rogo as bençãos de Deus em sua vida.

Shalon,

Oliveira e Oliveira

♦ Stephanie ♦ disse...

Bom.. Eu assisti o vídeo. E pode ser até que ela e seu grupo estejam mesmo fazendo coisas que não agradam a Deus. Eu realmente prefiro não falar sobre, mas a respeito desse vídeo, acho que o que ela quis dizer, é que logo os católicos que idolatram imagens de escultura, adoram mais a Jesus do que muitos evangélicos...

Acho que o contexto não ajudou, mas creio que ela quis dizer isso.

Mas ela errou claro, em não dizer a verdade. Doa a quem doer. A verdade de que, Só Jesus é Senhor!

E as imagens não devem ser adoradas.

Anônimo disse...

Dentro de um hospital em 1982, uma freira sabendo que eu era evangélica, me contou seu testemunho: ela sofria de uma enfermidade no pé, pediu a cura ao Senhor Jesus, e Este a curou. A idolatria é pecadão, mas muitos católicos vão se converter.

Newton Carpintero, pr. e servo disse...

Cara Anônima,

Paz!

Com certeza a idolatria é uma abominação.

E católicos se converterem, faz parte do plano de Deus. Inclusive não somente os católicos, mas os de todas as religiões, inclusive os evangélicos que não conduzem as suas vidas segundo a Palavra de Deus.

É bom lembra que ser curado não garante a salvação. A Salvação é resultado de uma vida segundo a Palavra de Deus e a certeza que deve-se ser fiel até a morte.

O Senhor te abençõe,

O menor de todos.