terça-feira, 24 de junho de 2008

Jesus Cristo não veio para salvar o Mundo.

Jesus Cristo foi enviado ao Mundo como o Salvador, o Redentor de todos os que o reconhecem como o Filho de Deus, e com Ele a certeza de vida eterna. Ele veio para o Mundo, mas a Salvação é para o que crê.

João 3:16. -“Porque Deus amou o mundo de tal maneira que nos deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.”

Jesus Cristo segundo a Palavra de Deus, esteve entre nós, realizou milagres, foi traído, crucificado, morto, mas ressucitado ao terceiro dia, para a Honra e a Glória de Deus, bem como, depois de ter falado aos seus discípulos, foi recebido no céu, e assentou-se à direita de Deus.

A beleza do Evangelho de Jesus Cristo, está na grande misericórdia de Deus em nos conceder tamanho privilégio. E o direito de escolher com a nossa liberdade. Aceitar ou não a Jesus Cristo como o nosso Salvador.

Na avaliação do próprio Deus, Ele tentou nos fazer entender a magnitude do seu amor, com a expressão, “de tal maneira”, para que cada um de nós, com o nosso pequeno entendimento da criação, pudessemos avaliar com o esforço da nossa mente e coração, alimentados pelo desejo e a fome de justiça, o seu significado. Assim, valorizaremos este gesto inigualável da parte do Senhor Deus.

Somente de corações abertos, recebemos a confirmação do Espírito Santo de Deus. O Espírito Consolador, testificará em cada um de nós a Verdade.

O seu amor, foi tamanho, que abrangeu todo o Mundo. Ele não escolheu a alguns. Ele não escolheu o bondoso. Ele não escolheu os melhores. Ele desejou que houvesse salvação para o homem criado, conforme à sua imagem e semelhança. Segundo o livro de Gênesis 1:26.

E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo o réptil que se move sobre a terra.

Desejou o Senhor Deus, conscientizar o homem dos seus maus caminhos e fazê-lo retornar à obediência sem interferir no seu livre-arbítrio. Portanto, enquanto houver vida, existe a possibilidade de salvação.

Viva já, o eterno momento preparado por Deus.

pr. Newton Carpintero

Um comentário:

Maris disse...

Pastor Newton é com imensa alegria que estou aqui no teu blog. É muito bom saber que existem pessoas como o senhor que fala segundo a Verdade que é Jesus Cristo.
Deus enviou o Seu Único Filho ao mundo, porque só assim o homem teria salvação.
A humanidade já estava condenada. E por causa do pecado, era impossível o homem conseguir entrar no Reino de Deus. O homem contaminado pelo vírus do pecado, por mais que fizesse sacrifícios,por mais que quisesse até se aproximar de Deus e tentar cumprir os mandamentos e leis que Deus dera na antiguidade, tudo era em vão. Foram poucos aqueles que conseguiram viver esse reino(de Deus)antes do nascimento de Jesus Cristo. Era necessário o homem nascer de novo,da água e do espírito. E isso só era possível se Jesus Cristo viesse ao mundo,morresse na cruz e ressuscitasse ao terceiro dia.
O amor de Deus foi tão grande pela humanidade,que Ele mandou Jesus, porque não existia para o homem um outro meio de salvação. Jesus Cristo deixou toda a Sua Glória nos céus, se fez homem, para que através dEle, pudéssemos ter acesso ao Reino de Deus; nos livrando da condenação eterna e com isso, entrarmos na vida eterna. Mais para entrarmos na Vida, é necessário que reconheçamos que Jesus Cristo é o Filho de Deus, que nos arrependamos do pecado e nasçamos novamente, nos tornando assim nova criatura e Filhos de Deus. Glória a Deus, porque nos resgatou e nos aproximou dEle e com Ele estaremos até a Eternidade.
Desculpe, se eu não coloquei nenhum versículo bíblico que confirmasse o meu comentário, mais é porque neste momento, não me é possível pesquisar na Bíblia, levaria muito tempo.
Pastor, desejo muitas bençãos para o senhor e para todos da tua família. Fique com Deus!